COMEÇOU MAL: Toffoli assume a presidência do STF e investe contra Moro para salvar Mantega

Compartilhe essa notícia!

A estada de Dias Toffoli na presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) será repleta de eventos traumáticos contra a Lava Jato.

O ministro partiu com tudo para cima do juiz Sérgio Moro, afim de frear o trâmite de uma ação por corrupção contra Guido Mantega.


Para Toffoli, o juiz está tentando burlar uma decisão do STF.

A denúncia feita pelo Ministério Público Federal acusa Mantega de ter recebido R$ 50 milhões de propina da Odebrecht.

O presidente do STF considera o recebimento de toda essa dinheirama em propina, mero crime eleitoral e a corte já havia decidido que a “competência para processar e julgar denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal a respeito de doações eleitorais por meio de caixa dois é da Justiça Eleitoral”.

Ora, o que Mantega recebeu não foi “doação eleitoral”, foi propina.

Mesmo assim, Toffoli decidiu que o processo deve sair das mãos de Moro.

O juiz, corajoso, apenas suspendeu “POR ORA” o trâmite da ação penal.

Aguardemos o próximo embate.

A Lava Jato, mais do que nunca, necessita do apoio da sociedade na luta contra a corrupção.

online:

Participe dos debates no grupo!

Compartilhe essa notícia!